Seminário na UNIFESP

No dia 18 de junho de 2018, a diretora científica do IEFC, Fabiana B. Kneubil, ministrou o seminário “Natureza do Conhecimento Científico: dificuldades intrínsecas ao ensino”. A convite de Thais Cyrino Forato, professora adjunta da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), o seminário foi  realizado com o objetivo de discutir questões epistemológicas relativas ao ensino de ciências.

Com a presença de 17 participantes, entre professores de ciências, alunos de graduação e pós-graduação da UNIFESP, a discussão se prolongou por quase duas horas e meia, numa tarde cheia de reflexões acerca da natureza do conhecimento.

O assunto toca diretamente muitas questões ligadas ao curso e às UCs (Unidades Curriculares) que ministramos. Achei oportunas as comparações que ela fez do trabalho conceitual em Física com o vocabulário do teatro, com o ensino de idiomas e com as conveniências para cada uma das fases do percurso escolar. A profa. tem muita familiaridade com o assunto e apresentou com desenvoltura, clareza e precisão os intrincados ramos dos estudos de Física e as possibilidades de ensino que oferecem. A questão da “estrutura de pensamento” foi para mim a mais central pela clara intersecção dos estudos em Teoria do conhecimento e Filosofia da ciência com o ensino da Física. Acho que renderá uma boa conversa com os e as alunas quando estiver discutindo esses assuntos com eles e elas.” Denilson Cordeiro, prof. Dr. em Filosofia da UNIFESP.

Eu gostei bastante do seminário, principalmente da parte da analogia da física com o teatro e de como todas as áreas da física seguem essa mesma organização. Gostaria que o seminário durasse mais tempo para poder aprofundar na parte sobre os mapas e o uso dos mesmos no ensino e se possível nas outras ciências (química e biologia).” Helen Fernandes, mestranda em ensino de ciências e Matemática do programa de Pós-graduação da UNIFESP.

Professora Fabiana, obrigado por acrescentar em mim mais sementes de conhecimento, que com certeza as cultivarei e levarei aos meus futuros alunos e alunas.” Francisco Aparecido Cardeira, professor de física e ciências, aluno de graduação da UNIFESP.