Palestra “Radiação e a Quebra da 3a Lei de Newton

A teoria da relatividade de Einstein promoveu grandes mudanças conceituais e na maneira de produzir o conhecimento científico. Rupturas com a mecânica clássica e a não validade das leis de Newton foram as principais implicações da relatividade. A teoria eletromagnética representa a transição entre as teorias. Os fenômenos eletromagnéticos evidenciam tais rupturas e a necessidade de uma reorganização teórica, que culminou na relatividade restrita. A radiação, em particular, é um caso típico de fenômeno eletromagnético, no qual a 3ª lei de Newton não se aplica. Nesta palestra é mostrado, em detalhes, este exemplo e discutidas as implicações epistemológicas das rupturas dentro da Física.

Público-alvo: professores de ciências, alunos ensino médio e graduação em física

Duração: aproximadamente 60 minutos

Solicitação: envie um e-email para iefc@iefc.org.br